Apaixone-se pela a técnica da engenharia que está virando tendência mundial.

Tendencia Inovacao Retrofit ImoveisDe acordo com o site colaborativo Wikipedia, retrofit é um termo utilizado principalmente na engenharia para designar o processo de modernização de algum equipamento já considerado ultrapassado. No mercado imobiliário, é praticamente a mesma coisa, com algumas peculiaridades.

O retrofit aplicado ao mercado imobiliário é o processo de reforma de um imóvel antigo, revitalizando-o com uso de novas tecnologias. Diferente de uma reforma comum, o retrofit tem a finalidade de alterar o uso original do imóvel, preservando a sua arquitetura. Assim, antigos edifícios residenciais podem se tornar inovadores edifícios comerciais e vice-versa, de acordo com a demanda do mercado.

Por se tratar de uma renovação, o retrofit gera menos poluição e desperdício de materiais. A técnica também é proveitosa à população, pois destina novo uso a antigas propriedades, muitas vezes abandonados. A memória e cultura local são preservados na medida em que se mantém os imóveis, ao invés de demoli-los.

Imagem: São Paulo Antiga - antes do retrofit no Condomínio Ricardo Marques, em São Paulo.
Imagem: São Paulo Antiga – antes do retrofit no Condomínio Ricardo Marques, em São Paulo.
Imagem: São Paulo Antiga - depois do retrofit no Condomínio Ricardo Marques, em São Paulo.
Imagem: São Paulo Antiga – depois do retrofit no Condomínio Ricardo Marques, em São Paulo.

De forma resumida, o retrofit imobiliário consiste em:

  • Alterar o uso ou função original do imóvel;
  • Reformar os sistemas hidráulico, elétricos e outros, modernizando-os;
  • Preservar a memória e história;
  • Ser uma solução sustentável e econômica.

Desta forma, a história é tratada como obra viva, ao invés de peça de museu, e ganha novos usos e sentidos no cotidiano contemporâneo.

Compartilhe esta tendência com seus amigos!

Sobre o autor

Deixe um comentário